TAG #7 - Doenças Literárias

| |

Oi gente, tudo bem? Voltei bem rápido dessa vez!! Bom, estou super entediada nesse domingo e resolvi vir fazer uma TAG para vocês.

Antes de tudo, queria fazer uma pergunta a vocês. Estão reparando nas coisinhas novas no blog? A responsável por isso é a Thauanna Rodrigues, que está cuidando do design do blog com todo o carinho (já que eu sou um desastre com isso). Espero que vocês estejam gostando, a opinião de vocês é muito importante para mim, pois o objetivo é criar um espaço confortável para mim e principalmente, para vocês.

Bom, eu ia responder a uma outra TAG, mas estava sem criatividade, então escolhi essa:

*

Não sei quem criou a TAG (se souber, coloque aqui nos comentários que eu darei os devidos créditos e já vi em tantos lugares que não lembro qual foi o primeiro. O objetivo da TAG é encontrar livros de acordo com as características de determinadas doenças. 

Então vamos lá:

1. Diabetes: Um livro muito doce


Anna e o Beijo Francês (Stephenie Perkins). Bom, não lembro de ter lido um livro mais doce do que esse. Além de se passar num lugar maravilhoso, Paris. A Anna e o Éttiene são muito fofos. A amizade dos dois e depois o amor dos dois é puro, simples e incrível. Adoro esse livro e logo, logo, irei ler Lola e o Garoto da Casa ao Lado.

2. Catapora: Um livro que você pegou para ler e nunca mais vai pegar de novo.


Realmente não vou ler de novo, pois eu troquei. Enigmas de Londres: Espíritos do Tâmisa (Ben Aaronovitch) não é um livro ruim, a premissa é bem legal. É um romance policial sobrenatural. O problema é que o livro não me prendeu, achei a narrativa um pouco confusa, os personagens não tinham carisma e não consegui gostar de quase nenhum. Além do mais, não entendi muito o final dele. Valeu a experiência, mas não leria novamente. Um detalhe: eu acho essa capa linda!

3. Ciclo Menstrual: Um livro que você relê constantemente


Não costumo reler muitos livros, mas o que mais já reli foi Poliana (Eleanor H. Porter), gosto muito da mensagem que esse livro passa, de otimismo, esperança e bondade. 

4. Gripe: Um livro que se espalhou como vírus


Bom, acho que não tem outro que se encaixa melhor nessa categoria. A Culpa é das Estrelas (John Green) está sempre ocupando uma das primeiras posições nas categorias do Skoob (tirando de abandonado e trocas) e é inegável o estrondoso sucesso que o livro vez. Eu gostei da leitura, achei a Hazel e o Gus, personagens incríveis. Entretanto, não me encaixei na categoria das pessoas que acharam o livro a última maravilha do mundo e não irei assistir ao filme na estreia, apesar de querer muito ver.  

5. Asma: Um livro que tirou seu fôlego


Ratos (Gordon Reece) realmente tirou meu fôlego. No início, ele até é um pouco parado, mas chega um momento que o livro começa a ficar muito intenso e eu prendia a respiração para saber a próxima coisa que ia acontecer, o próximo passo de Shelley e a sua mãe. Se você gosta de Thriller Psicológico, eu recomendo demais.

6. Insônia: Um livro que te tirou o sono


Insurgente (Veronica Roth) literalmente tirou meu sono. Eu lembro que li esse livro super rápido pois virava a noite lendo, e nossa, o final me deixou sem palavras. Época em que eu estava de férias e não trabalhava. Realmente uma pena que não gostei da forma como a trilogia terminou.

7. Amnesia: Um livro que você leu, mas não se lembra muito bem.


O Diário de Zlata (Zlata Filipovic) foi um livro que eu li no ensino fundamental. E como a maioria dos livros que eu li nessa época, eu não me lembro muito bem. Sei do que se trata, mas não lembro das coisas que aconteceram, mas lembro que foi um livro que eu gostei muito, pois é uma história real de uma menina na guerra na ex-Iugoslávia. Pretendo conseguir reler esse livro ainda esse ano e então posto resenha para vocês.

8. Doenças de viagem: Um livro que te leva para outra época/mundo/lugar.


Bom, acho que todo livro bem escrito faz isso. Sempre nos leva a outro lugar. Mas eu decidi por escolher Harry Potter e a Pedra Filosofal (J.K. Rowling) representando toda a série. Afinal, foi ele me levou a conhecer outro mundo, o mundo dos bruxos e a lugares incríveis como o Beco Diagonal, Gringottes, Hogwarts, a Floresta Proibida e tantos e tantos outros lugares mágico ao longo da série. Além de ter personagens incríveis também


Espero que tenham gostado!! Me digam suas opiniões nos comentários que ficarei feliz em responder e retribuir.

Beijinhos,



16 comentários:

  1. Oi, Rafaella!
    Não conheço a maioria dos livros mas Harry Potter e a Pedra Filosofal me fez viajar também!
    E o legal é que viajei para Hogwarts enquanto fazia uma longa viagem de férias!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kaio,

      Harry Potter sempre nos faz viajar, é tão bom!!

      Obrigada pela visita!!

      Beijinhos!

      Excluir
  2. Oie
    Acho essa uma das tags mais diferentes e abrangentes rs. Anna e o beijo francês é um livro mt fofo né, quando eu estava lendo ficava morrendo de vontade de estar em Paris e conhecer as ruas citadas no livro, quem sabe um dia né?
    ACEDE se espalhou mais do que gripe, até as pessoas que eu conheço e sei que não tem o hábito de ler estão comentando sobre o livro e o filme! E concordo contigo, mesmo tendo curtido o livro não o achei essa maravilha toda, e do autor gostei muito mais de Quem é Você, Alasca? Mas enfim, gosto é gosto né, rs.
    Insurgente, mais um livro que eu preciso ler! Amei Divergente e confesso que estou receosa com relação as sequências já que li várias resenhas e comentários que falavam que o primeiro livro é muito melhor do que os seguintes, então espero não me decepcionar.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andréia, gosto muito de responder tags, e pra mim, quanto mais diferente, melhor.. rs.

      Anna e o Beijo Francês é muito fofo mesmo, confesso que antes não tinha muita paciência para ler histórias de amor, mas depois dele comecei a ler mais... mas o que eu mais gosto em Anna, é que a relação dos dois vai se desenvolvendo naturalmente.

      ACEDE realmente virou febre mesmo. Do John Green eu só li, e Will & Will que ele escreveu com o David Levithan (esse sim, eu amo demais). Quero ler os outros livros, mas não tenho aquela vontade urgente... inclusive de tanto que falam que Cidades de Papel é um mais do mesmo, e os personagens são bem parecidos com o de Quem é você, Alaska? Nem sei se vou ler esse.

      Divergente eu realmente acho o melhor da série. Tem toda aquela novidade e talz, mas gosto bastante de Insurgente também, que ação do início ao fim do livro. Mas não gostei da forma como a trilogia terminou com Convergente, não concordei com as explicações da autora e ela fez coisas que eu achei desnecessária. Mas enfim, cada um tem seu gosto... então recomendo que leia para ter sua própria opinião.

      Obrigada pela visita!!

      Beijinhos!!

      Excluir
  3. Oi, Raffaela!
    Vi seu blog no Blogueiros Literários e vim conferir. =)
    Gostei muito da TAG, até considerei fazê-la em algum momento!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priih. Faça a tag sim, é bastante divertida.

      Obrigada pela visita!!

      Beijinhos!

      Excluir
  4. Poxa, que pena que não gostou de "Espirítos do Tâmisa".
    Quando peguei o livro para ler, me senti tão presa pela história que o li em apenas um dia tamanha a empolgação.

    Mas ele é de um estilo bem específico mesmo, então é fácil entender pq não consegue agradar a todos. Eu estou bem ansiosa pela continuação.

    Adorei a tag, muito divertida.

    Bruna C.
    http://coolturenews.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna.

      Como eu disse, eu achei a premissa do livro bem interessante. Acho que me perdi no meio de tantos nomes de ruas de Londres e achei que a investigação e as negociações ficaram meio embaralhadas. E fora que os personagens não me chamaram atenção, até gostei bastante da Beverley, achei ela bem original.

      Bom, deve ser exatamente por não ser de um estilo específico. As continuações serão traduzidas? Procurei sobre isso, mas não achei nada.

      Obrigada pela visita!!

      Beijinhos!!

      Excluir
  5. Heey, tudo bem?
    Muito legal a tag, acho que vou até fazê-la no meu blog!!
    Parabéns pelo seu blog, está muito bom e já estou seguindo!
    http://ofascinioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Guilherme, tudo bem e você!!

      Faça a Tag sim, é bem legal! E me passe o link depois, pois vou adorar ver suas respostas.

      Obrigada!! Tb já estou seguindo o seu.

      Obrigada pela visita e beijinhos!!

      Excluir
  6. Eu desejo muito ler Enigmas de Londres, mas ele tá sempre muito caro e não consegui ninguém para fazer uma troca no skoob. As tuas escolhas estão perfeitas.
    Adorei a tag. Beijão
    Lilica - O maravilhoso mundo da leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liziane,

      Eu comprei meu livro no Submarino e não achei tão caro assim, coloquei para troca no Skoob e troquei muito rápido.

      Que bom que gostou das respostas, adorei responder a TAG.

      Obrigada pela visita!!

      Beijinhos!!

      Excluir
  7. Acho essa TAG muito criativa (mas estou enrolando loucamente para responder...rs).
    ACEDE realmente se espalhou como gripe. Eu provavelmente escolheria "Jogos Vorazes" nessa categoria. Harry Potter também foi bem gripal um tempo atrás, né?
    E adorei "Ratos". Já me prendeu logo nas primeiras páginas.
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, que bom ver você por aqui!!

      Gostei bastante dessa TAG. Adoro ficar pensando em livros para se encaixar em determinadas situações.

      ACEDE se espalhou muito, e muito rápido. Pessoas que eu quase não vejo lerem, leram e gostaram. Jogos Vorazes eu acho que foi um pouco menos, eu mesmo não li logo no início. E Harry Potter realmente foi uma gripe, mas como eu só comecei a ler o livro quando todos já tinham sido lançados e já estava passando a Ordem da Fênix, eu nem pensei nele, porque não "vivi" o momento.

      Ratos foi um livro que me surpreendeu demais. Eu comprei ele na bienal super barato e não tinha nem lido a sinopse. Ou seja, comprei o livro sem nem saber do que se tratava, mas me prendeu desde as primeiras páginas também e ao mesmo tempo que queria terminar e saber o que acontecer, não queria que terminasse.

      Beijinhos e obrigada pela visita!!!

      Excluir
  8. Insurgente me tirou o sono também e Anna e o Beijo Francês é tão <3
    Ótimas escolhas! haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sté!! :)

      Que bom que gostou das minhas escolhas. Anne e o Beijo Francês é lindoo <3 quero o Éttiene para mim e quero ir para Paris!!

      Obrigada pela visita!! Beijinhos!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...